Pela sua relevância histórica destacamos o mobiliário de assento, do primeiro quartel de Oitocentos, com motivos marinhos entalhados e dourados. Terá pertencido à nau Príncipe Real, na qual a Família Real viajou para o Brasil, em consequência das invasões napoleónicas. Sobre a coluna encontra-se um aquário em porcelana; foi fabricado na manufactura de Samson, em Paris, conhecida pela produção de exemplares inspirados na porcelana de proveniência oriental, neste caso com uma clara influência do Japão. A abertura deste país à Europa em 1868, e a sua posterior divulgação nas Exposições Universais, veio proporcionar, dentro dos exotismos vários, o aparecimento do Japonismo – corrente muito apreciada na época, que se fez sentir em todas as artes decorativas e cuja grande marca eram os motivos florais e naturalistas.