A pintura do tecto abobadado é de autor desconhecido; apresenta, por entre uma estrutura arquitectónica de forma elíptica, um céu de azul suave, manchado por nuvens.
No pavimento de desenho geométrico, em mármore preto e branco, a legenda «Antonio Moreira Rato & F.os EXECUTARAM 1891» identifica os autores.